jusbrasil.com.br
17 de Janeiro de 2019
    Adicione tópicos

    Execução de alimentos foi tema do “Sala de Espera”

    Defensoria Pública de Minas Gerais
    há 4 anos

    O projeto Sala de espera desta segunda-feira, 6, teve palestra da defensora Cibele Rabelo, que atua na 2ª Vara de Família da capital, sobre o tema Execução de Alimentos. Em sua fala a defensora explicou as circunstâncias que levam ao pedido de execução de alimentos e quais as modalidades possíveis. E mostrou quando se deve lançar mão do pedido de prisão ou de penhora de bens, na hipótese de atrasos ou o não pagamento da pensão alimentícia.

    O assunto provocou debates e a participação das pessoas que esperavam atendimento, que aproveitaram a oportunidade para tirar dúvidas sobre o pagamento de pensões, formas de cobrança, documentos necessários para a abertura de ação, entre outros temas.

    O projeto “Sala de Espera” é uma iniciativa da Coordenadoria de Capacitação e pretende fomentar a cultura da prevenção do problema, através da educação em direitos. A coordenadora de Capacitação, Hellen Caires, ressalta que a iniciativa está aberta a todos os colegas, nas mais diversas áreas atendidas pela Defensoria Pública. A Coordenadoria de Capacitação no 2º andar, do Edifício Unidade I da Defensoria Pública, está à disposição de defensores e servidores para críticas e sugestões.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)